Campinas/SP - Segunda, 10 de agosto de 2020 Agência de Notícias e Editora Comunicativa Ltda.  
 
 
  home
  comunicativa
  profissionais
  publicações
  clientes
  projetos
  entrevistas
  baú de notícias
  clippings
  galeria de fotos
  ensaios
  extra pauta
  cadastre-se !
  contato
Digite a expressão que deseja buscar
Cadastre-se e receba, por e-mail, as últimas do ClickNotícia.


Rua Alberto Belintani, 41
Telefone: (19) 3256-4863
Fax: (19) 3256-9059
CEP: 13087-680
Campinas-SP

 

CLIPPING: SEMINIS

Maxpress Net - On Line - Tomate na UNICAMP


O workshop Tomate na Unicamp será realizado no dia 28 de maio, das 8h30 às 18 horas, no anfiteatro da Biblioteca Central da Unicamp. Ele pretende reunir pesquisadores, professores, estudantes, profissionais e produtores agrícolas interessados em discutir aspectos tecnológicos, impactos ambientais, aspectos sociais, problemas da cadeia produtiva e novas pesquisas sobre a cultura do tomateiro.

O mercado de tomate no Brasil - representado pelo giro da ordem de 1,5 bilhão de reais, produção de 3 milhões de toneladas/ano, cultivo de 58 mil hectares e envolvendo diretamente mais de 200 mil pessoas na produção – será tema de um workshop promovido pela Faculdade de Engenharia Agrícola da Unicamp, no dia 28 de maio. A Seminis, empresa de sementes de hortaliças e líder mundial nesse segmento, é uma das apoiadoras do evento, que tem por objetivo apresentar e discutir trabalhos sobre a cultura do tomateiro na Universidade e avaliar desafios e necessidades de desenvolvimento sustentável do setor.

O engenheiro agrônomo Álvaro Peixoto, da Seminis, fará a primeira palestra do evento, sobre a realidade e tendências do tomate de mesa no agronegócio brasileiro. Mercado atualNos últimos anos, houve uma redução da área plantada e os produtores (cerca de 10 mil em todo país) sofreram uma descapitalização em função da queda da produção e o aumento dos custos, além da incidência de pragas e doenças graves como o Geminivírus – transmitido pela mosca branca. Por isso, segundo Álvaro Peixoto, os tomaticultores estão em busca de novas tecnologias e alternativas que tornem a cultura mais viável. Nesse contexto, ele enfatiza que “a busca pela qualidade é evidente no setor, com maior profissionalização dos produtores, preferência por híbridos que agregam mais produtividade e resistência a doenças, além da introdução de novas tecnologias de produção capazes de reduzir os custos sem perda de qualidade ou produtividade”.

« voltar



   Clicknotícia® by Comunicativa    Política de Privacidade Desenvolvimento: Webcompany®