Campinas/SP - Sábado, 11 de julho de 2020 Agência de Notícias e Editora Comunicativa Ltda.  
 
 
  home
  comunicativa
  profissionais
  publicações
  clientes
  projetos
  entrevistas
  baú de notícias
  clippings
  galeria de fotos
  ensaios
  extra pauta
  cadastre-se !
  contato
Digite a expressão que deseja buscar
Cadastre-se e receba, por e-mail, as últimas do ClickNotícia.


Rua Alberto Belintani, 41
Telefone: (19) 3256-4863
Fax: (19) 3256-9059
CEP: 13087-680
Campinas-SP

 

PESQUISA APONTA INDUSTRIA PERTO DO LIMITE  


Desde 2008 a Comunicativa passou a atuar no mercado de comunicação com características próprias de Agência de Notícias e Editora. Como Agência ela se propõe a levantar informações de interesse jornalístico, na macro região de Campinas, espontaneamente ou por demanda para difundí-las através do site www.clicknoticia.com.br. Como Editora ela coloca à disposição de instituições públicas ou privadas o seu corpo de profissionais para produção de publicações jornalísticas nas mídias hoje disponíveis. Ao conhecer a empresa e suas necessidades no setor de comunicação, podem ser sugeridas novas ferramentas através da elaboração de um Plano de Comunicação, incluindo jornal para os funcionários, publicações institucionais ou específicas para os clientes, abastecimento de sites, entre outras. Esse trabalho é pautado pelos critérios técnicos e a ética das notícias e suas conseqüências. A Comunicativa foi criada como prestadora de serviços jornalísticos em abril de 1996 em função da demanda de profissionais capacitados para interrelacionar o segmento corporativo e os veículos de comunicação jornalística. Fones: (19) 3256 4863 / 3256 9059


»
Baú de Notícias
» Galeria de Fotos

» Clipping

   


28/05/2020 - Isso é o resultado de mais de 60 dias de isolamento social. A indústria está no seu limite e já usou todas as suas possibilidades. Cada município tem a sua característica própria e deve tomar medidas diferentes de acordo com a gravidade que a doença assume dentro do seu limite geográfico. Somos favoráveis a uma abertura gradativa e segura de acordo com os protocolos nesses municípios, a partir de primeiro de junho”, resumiu o diretor da entidade.

Na pesquisa de Sondagem Industrial sobre os dois meses de pandemia, 73% das empresas associadas responderam que o Covid-19 afetou o volume dos negócios. Com relação as medidas de contenção de despesas, entre as principais já adotadas pelas associadas destacam-se o controle rígido dos gastos (70,7%), adoção de férias para os colaboradores (43,9%), redução da jornada de trabalho (39%), férias para os grupos de risco (31,7%) e suspensão temporária do contrato de trabalho (24,3%). A preocupação apontada nessa pesquisa, avalia a diretoria do Ciesp-Campinas, é que 21,9% apontam demissões em maio e 21,9% projetam demitir no próximo mês de junho.

Entre as ações implementadas pelo governo, 41,4% das indústrias responderam que estão utilizando as prorrogações de pagamentos para o FGTS e impostos federais. A perspectiva de queda no negócio ou no mercado de atuação nos próximos meses é esperada para 73,1% das associadas ao Ciesp-Campinas.

A Sondagem da entidade ainda aponta que 46,3% acredita na retomada dos negócios ainda em 2020, porém 51,2% avalia que isso deverá ocorrer no próximo ano. Na última questão da pesquisa, 92,6% dos respondentes afirmaram que são favoráveis a liberação consciente do fluxo de pessoas e reabertura do comércio.

O diretor do Departamento de Comércio Exterior do Ciesp-Campinas, Anselmo Riso, informou que as exportações da região em abril foram de US$ 185,8 milhões e as importações US$ 694,3 milhões – respectivamente, quedas de 38,3% e 18,1%. O déficit comercial em abril foi de US$ 508,5 milhões. A corrente de comércio exterior da região em abril/2020 foi US$ 880,2 milhões, cerca de 26,4% menor quando comparado com abril de 2019. No acumulado de janeiro a abril de 2020, o déficit da balança comercial regional é de US$ 2,2 bilhões, sendo 1,4% menor que no mesmo período de 2019.

Na avaliação de Anselmo Riso, alguns setores estão ‘sobrevivendo’, como fármaco, químico e da área de saúde. Outros como o automotivo e eletroeletrônico estão em situação mais difícil. O setor ligado a energia alternativa apresenta uma perspectiva positiva para os próximos meses. “A recuperação (da balança comercial regional) deverá ser lenta e dependendo do setor, 2020 poderá ser considerado um ano perdido, com mais reflexos no desemprego da região”, avalia.

O Ciesp-Campinas conta com 494 empresas associadas, distribuídas em 19 municípios da região. O faturamento conjunto das empresas associadas é de R$ 41,52 bilhões ao ano. Conjuntamente essas empresas empregam 98.894 colaboradores.


 

 
Cadastro de Jornalista  
   
   
« voltar  


   Clicknotícia® by Comunicativa    Política de Privacidade Desenvolvimento: Webcompany®