Campinas/SP - Terça, 4 de agosto de 2020 Agência de Notícias e Editora Comunicativa Ltda.  
 
 
  home
  comunicativa
  profissionais
  publicações
  clientes
  projetos
  entrevistas
  baú de notícias
  clippings
  galeria de fotos
  ensaios
  extra pauta
  cadastre-se !
  contato
Digite a expressão que deseja buscar
Cadastre-se e receba, por e-mail, as últimas do ClickNotícia.


Rua Alberto Belintani, 41
Telefone: (19) 3256-4863
Fax: (19) 3256-9059
CEP: 13087-680
Campinas-SP

 

PREÇO DA GASOLINA CAI 11% EM UM ANO  


Desde 2008 a Comunicativa passou a atuar no mercado de comunicação com características próprias de Agência de Notícias e Editora. Como Agência ela se propõe a levantar informações de interesse jornalístico, na macro região de Campinas, espontaneamente ou por demanda para difundí-las através do site www.clicknoticia.com.br. Como Editora ela coloca à disposição de instituições públicas ou privadas o seu corpo de profissionais para produção de publicações jornalísticas nas mídias hoje disponíveis. Ao conhecer a empresa e suas necessidades no setor de comunicação, podem ser sugeridas novas ferramentas através da elaboração de um Plano de Comunicação, incluindo jornal para os funcionários, publicações institucionais ou específicas para os clientes, abastecimento de sites, entre outras. Esse trabalho é pautado pelos critérios técnicos e a ética das notícias e suas conseqüências. A Comunicativa foi criada como prestadora de serviços jornalísticos em abril de 1996 em função da demanda de profissionais capacitados para interrelacionar o segmento corporativo e os veículos de comunicação jornalística. Fones: (19) 3256 4863 / 3256 9059


»
Baú de Notícias
» Galeria de Fotos

» Clipping

   


03/07/2020 - Em comparação com o valor médio de janeiro (R$ 4,762), preço mais alto deste ano, a queda foi de 13,06%.

A gasolina ficou mais barata, sobretudo, pela crise causada pela pandemia do novo coronavírus no mundo, que diminuiu a circulação de veículos no Brasil. Antes disso, porém, os preços já sofriam impactos da guerra do petróleo travada entre Arábia Saudita e Rússia a partir de março.

Em junho, o único estado que registrou queda no valor cobrado pelo litro da gasolina foi o Amapá, com redução de 4,81%. Enquanto isso, o Distrito Federal registrou a maior alta no período: o combustível ficou 7,88% mais caro entre maio e junho.

Obtidos por meio do registro das transações realizadas em maio com o cartão de abastecimento da ValeCard em cerca de 20 mil estabelecimentos credenciados, os dados mostram que Belém (PA), Rio de Janeiro (RJ) e Rio Branco (AC) têm os preços mais altos entre as capitais. As capitais com preços mais baixos são Curitiba (PR), João Pessoa (PB) e Vitória (ES).

Preço médio por Estado (R$)

Estado

Junho

Maio

Variação (%)

RJ

4,601

4,482

2,65%

AC

4,500

4,395

2,39%

PA

4,375

4,307

1,58%

AM

4,341

4,387

-1,03%

PI

4,340

4,085

6,24%

TO

4,326

4,157

4,07%

RO

4,259

4,119

3,41%

MG

4,259

4,139

2,90%

AL

4,258

4,148

2,65%

BA

4,248

3,970

7,00%

SE

4,193

4,083

2,69%

CE

4,163

4,016

3,66%

MS

4,121

4,001

2,99%

MT

4,115

3,964

3,81%

ES

4,105

3,994

2,76%

MA

4,096

4,052

1,10%

PE

4,092

3,929

4,16%

RN

4,078

3,850

5,92%

RS

4,042

3,898

3,69%

DF

4,029

3,735

7,88%

GO

4,002

3,862

3,63%

PB

3,973

3,849

3,24%

RR

3,931

3,870

1,57%

SC

3,904

3,699

5,55%

SP

3,902

3,786

3,07%

PR

3,785

3,580

5,74%

AP

3,734

3,923

-4,81%

Média

4,140

4,010

3,23%


 

 
Cadastro de Jornalista  
   
   
« voltar  


   Clicknotícia® by Comunicativa    Política de Privacidade Desenvolvimento: Webcompany®