Campinas/SP - Segunda, 11 de dezembro de 2017 Agência de Notícias e Editora Comunicativa Ltda.  
 
 
  home
  comunicativa
  profissionais
  publicações
  clientes
  projetos
  entrevistas
  baú de notícias
  clippings
  galeria de fotos
  ensaios
  extra pauta
  cadastre-se !
  contato
Digite a expressão que deseja buscar
Cadastre-se e receba, por e-mail, as últimas do ClickNotícia.


Rua Alberto Belintani, 41
Telefone: (19) 3256-4863
Fax: (19) 3256-9059
CEP: 13087-680
Campinas-SP

 

ENSAIOS FOTOGRÁFICOS

ENSAIO: UMA BOLA BASTA

Veja o ensaio

Alegria é mesmo um estado de alma a ser buscado a cada instante da vida. Há, portanto, quem passe por aqui sem jamais sentir este prazer. O título conquistado em campeonato mundial de futebol é um grande motivo de alegria. Este mesmo título obtido pela quinta vez, então, é motivo muito maior. Explica-se, assim, porque um povo tão sofrido é capaz de esvair-se em alegria por ruas e avenidas de um país inteiro. Durante aquele curto espaço de tempo de comemoração vão se esvaindo câmbios que projetam o dólar para as nuvens, índices de inflação, de analfabetismo, de mortalidade infantil, de desigualdade social. Nem Serra nem Lula. A Mercedes Benz conversível convive de igual para igual com o fusca que teima existir. O álcool estimula mentes e motores. Criança e idosos, pobres e ricos se irmanam provocados pela alegria. Até o pitt bull de temida mordida parece simpático. A beleza feminina, forte atributo diferencial de um país tropical, se farta entre vãos de bandeiras e bandeirolas provocando ainda mais alegria, pelo menos aos do sexo oposto. O Risco Brasil se esvai, foi...

Até um “eu já sabia” parece reforçar a tese de melhores do mundo no futebol. Tem-se a impressão que já se sabia mesmo. Que já se sabe que há de ser assim ainda por muito tempo enquanto houver campeonato mundial de futebol a desviar atenções. Mas por que parece tão simples que um time de futebol com 11 ou pouco mais mal nascidos seja campeão tantas vezes? É claro que pode haver outros motivos mas um é impossível ser deixado de lado. O brasileiro, povo mesmo, o povo brasileiro sabe se contentar com pouco. Este povo se contenta tanto, mas tanto, com tão pouco que a sua alegria se torna pura: estado d´alma. E, para que esta característica de povo brasileiro materialize-se, uma simples bola, basta.

Nem Mercedes conversível, motociclos potentes e incrementados, mulheres de bela e vasta preferência nacional ou dólares e ações na bolsa fazem olhos de garoto/povo/brasileiro brilharem mais de alegria do que uma bola. E é por isso, pelo alegrar-se com uma simples bola de muitos garotos brasileiros mal nascidos que há a certeza de outros títulos. E que assim seja para sempre. Que todos os outros títulos sejam causa e conseqüência da alegria brasileira onde uma simples bola basta.



Veja outros ensaios:

  • João-de-Barro
  • Modigliani e Eu
  • Uma bola basta
  • O perpetuar do lunário de um lunático
  • Bem-te-vi
  • Respeitável público...
  • Pequena obra do prazer
  • "Bertazzianos de Rua"
  • OLHANDO PARA O CÉU
  • Belas Praias




  • « voltar


       Clicknotícia® by Comunicativa    Política de Privacidade Desenvolvimento: Webcompany®