Campinas/SP - Domingo, 25 de outubro de 2020 Agência de Notícias e Editora Comunicativa Ltda.  
 
 
  home
  comunicativa
  profissionais
  publicações
  clientes
  projetos
  entrevistas
  baú de notícias
  clippings
  galeria de fotos
  ensaios
  extra pauta
  cadastre-se !
  contato
Digite a expressão que deseja buscar
Cadastre-se e receba, por e-mail, as últimas do ClickNotícia.


Rua Alberto Belintani, 41
Telefone: (19) 3256-4863
Fax: (19) 3256-9059
CEP: 13087-680
Campinas-SP

 

ARQUIVO DE NOTÍCIAS DE: DANIEL SANTOS



Opinião: POR QUE TAPAR O SOL COM A PENEIRA?
04/06/2007 - Ante evidências de corrupção, homens do governo, da lei e de empresas dizem nada saber, cândidos como o capeta gosta. Em vez da confissão, contra-atacam com ameaças de cerceamento à liberdade de expressão. Cabe à Imprensa divulgar as informações devidas ao público, e não apenas porque tal é direito dele, mas porque esse espírito combativo garante a continuidade democrática – opina Daniel Santos.



Opinião: INVESTIGAR, INVESTIGAR SEMPRE
28/05/2007 - Vai longe o tempo em que a Imprensa era um dos foros onde se debatiam aspectos de prioridade nacional, e não apenas por desfrutar, então, de maior credibilidade. A prática do jornalismo investigativo garantia aos jornais a vanguarda das grandes denúncias, mas, com a decadência daquele estilo, fica-se a depender de eventuais dissidências nas altas esferas para elaboração da pauta jornalística. No entanto, a par da atual realidade, deve-se retomar as investigações, opina Daniel Santos.



Opinião: AMOR AO PRÓXIMO EXCLUI HIPOCRISIA
14/05/2007 - Durante o telejornal de certa emissora, uma imagem religiosamente inédita deve ter chocado os hipócritas, por mostrar a distribuição de preservativos durante o culto. Tal atitude contrasta com a posição papal, que nega aos jovens o inadiável conhecimento do amor carnal. A eles, nem preservativos nem sexo! A postura devia merecer crítica mais enfática da mídia que, na passagem de Bento XVI pelo país, limitou-se a salamaleques, segundo crítica de Daniel Santos.



OPINIÃO: A PERIGOSA QUESTÃO DA IDENTIDADE
Campinas, 28/04/2007 - O relativo sucesso da política econômica e a popularidade do presidente da República não tampam o sol com a peneira. O país vai de mal a pior e pode-se apontar, entre tantos problemas, a segurança. Mais grave: a formação de uma nova identidade dos homens da lei, nascida da corrupção e da impunidade, que tende a se cristalizar como poder máximo, caso calemos ante tal aberração – suspeita e crítica de Daniel Santos.



Crítica: “HÁ FURTOS E FURTOS, ENSINA A MÍDIA”
07/04/2007 - A imparcialidade jornalística é uma quimera sonhada desde os tempos em que Gutemberg inventou os tipos móveis para impressão. Ou seja, a isenção está para a mídia como a verdade, para a filosofia. Mais ou menos isso. Mas, se ela é inalcançável, não significa que cada veículo possa publicar o que bem entende sobre determinado fato, embora algumas vezes isso ocorra, conforme a crítica de Daniel Santos.



LIBERDADE, UM CONCEITO MUITO DISCUTÍVEL
09.04.2007 - Desde a Revolução Francesa, o conceito de liberdade está na base da democracia e tem inspirado inflamados discursos em prol da autonomia dos povos e das criaturas. Com o tempo, no entanto, a sofisticação retórica aliada às péssimas intenções capitalistas transformaram aquele conceito numa espécie de panacéia ideológica: a democracia é o regime que salva a todos. Será mesmo? Eis algo discutível, conforme artigo de Daniel Santos.



"A COMUNICAÇÃO É MULTICOLORIDA", por Daniel Santos
05.04.2007 - As relações sociais ou, mais especificamente, raciais produzem um discurso rico em matizes que pode servir ao estudo da verdadeira complexidade da questão. Preto e branco servem apenas de base para a pesquisa de uma realidade cheia de nuances, em que um profuso colorido nos ensina: de nada vale impor uma cor em detrimento de outra, porque só a aquarela retrata com exatidão o cenário que nos determina.



“COMUNICAR NÃO DEPENDE DA RAZÃO”, por Daniel Santos
20/03/2007 - Ao contrário do que muitos possam supor, a comunicação não é, exatamente, uma conquista da civilização, muito embora tenha cumprido papel decisivo na vitória do homem frente aos limites da natureza. Ela ocorre também entre animais. Quando governados pelos instintos, principalmente, eles nos intrigam com um comportamento muitas vezes incompreensível para nós. Mas só para nós. Eles sabem o que fazem. Confira a crônica de Daniel Santos.

Próxima >>

 


   Clicknotícia® by Comunicativa    Política de Privacidade Desenvolvimento: Webcompany®